música cênica

Dança e música contemporânea são executadas ao vivo, com diversos momentos de improvisação.

Sem restrição de idade, o espetáculo conta com elementos da cultura popular brasileira.

FICHA TÉCNICA:

Concepção e criação: Dalga Larrondo e Valéria Franco

Direção: Rosana Baptistella

Figurino: Cia Tugudum

Fotos: Alice Dalgalarrondo e Giulia Lima

 

Psiu, Vem Brincar estreia dia 04 de março

Estréia dia 04 de março o novo espetáculo para bebês da Cia Tugudum.

Local: Teatro da Livraria da Vila no Galleria Shopping de Campinas

Todos os sábados e domingos de março sempre às 16 horas

Link para compra de ingressos pela internet:  www.ticketfacil.com.br.

Espetáculo de dança contemporânea para bebês

Vídeo – edição resumida:

Video – edição completa:

 

Contatos: 19 21214655 e 19 981922885

 Sinopse:

“Psiu, vem brincar!”, é a segunda criação de um espetáculo de dança contemporânea da Cia.

Tugudum concebida para bebês.

O espetáculo oferece uma experiência lúdica e curiosa. As dançarinas exploram o universo das brincadeiras infantis, de uma maneira minimalista e delicada.

Caixas e tecidos criam imagens e movimentos que proporcionam vivências e experiências sinestésicas de uma forma divertida e interativa.

Este espetáculo atinge os interesses e as necessidades de explorar, descobrir, experimentar, comunicar e interagir, inerentes ao desenvolvimento na primeira infância, apresentados na linguagem da dança contemporânea, que ao provocar envolvimento, encantamento e surpresa, despertam o gosto pela arte.

psiu-foto-suzana-barretto-1

A Bola e a Boneca no Galleria Shopping – teatro da Livraria da Vila temporada começa dia 04/02

 

Em Fevereiro de 2017 no dia 4
ESTRÉIA A TEMPORADA DO ESPETÁCULO – A BOLA E A BONECA –
dança para criança – com a Cia Tugudum no teatro da Livraria da Vila no Galleria Shopping – todos os sábados e domingos as 16hs
ingressos 30,00 e 15,00 – online e na livraria

Release e Sinopse

Espetáculo “A Bola e a Boneca” ( CIA TUGUDUM )

Espetáculo infantil de dança da Cia. Tugudum conta com momentos de improvisação e interatividade.

Bolas coloridas, bonecas, danças e diversão. Esses são os ingredientes do espetáculo infantil de dança contemporânea A Bola e a Boneca.  T

rata-se de um espetáculo interativo de dança-teatro da Cia. Tugudum, concebido e dirigido por Valéria Franco, que utiliza diversos elementos do imaginário infantil, explorando ao máximo suas possibilidades de interação cênica.

Os personagens relacionam-se entre si e com o público, passando por várias situações pertencentes ao cotidiano infantil, recriando o lúdico e o cômico através da linguagem corporal.

A Bola e a Boneca têm no elenco Ana Marcia Nori, Valéria Franco e Renata Doria e na operação de luz e som, Rodrigo Dalgalarrondo.

O espetáculo interativo de dança para crianças “A Bola e a Boneca” já circulou por diversas cidades do estado de São Paulo, sempre com sucesso de público.

Cuidado que Pega SESC Sorocaba

 

Dia 02 de outubro às 16 horas no SESC Sorocaba a Cia Tugudum realiza o espetáculo interativo “CUIDADO QUE PEGA”

 

Entrada franca

Todos Convidados!!!

I Deguste Tugudum Improvisação 26 e 27/08 – percussão e dança

Percussionistas e dançarinos confirmados: Ricardo Botter Maio, Denni Pontes, Dalga Larrondo, Magrão Perez, Chico Santana, João Stecca, Gloria Cunha, Gabriel Pelegrine, Ding Dong, Coré Valente, Cia Tugudum, Grupo das Escaravelhas, Daniella Gatti, Valéria Franco, Renata Dória, Cecília Gomes, Ava Soani, Ana Márcia Nori entre muitos outros.

A improvisação é o risco, é o arriscar, é o lugar onde tudo ou nada acontece. Improvisar é buscar o novo, é sair da mesmice.

Nas artes o improviso é fundamental sendo muito utilizado em laboratórios de criação e atualmente no palco.

O Tugudum está neste momento mergulhando neste imprevisto e acreditando em um novo processo para seus eventos.

Oficina Denise Namura e Michael Bubdahn

 

Nesta oficina continuaremos nossa pesquisa sobre a teatralização do movimento dançado e sobre o  sentido do movimento.

O ponto de partida será a música e outros suportes sonoros que nos levarão à construção de partituras visuais e seqüências coreográficas. Um dos nossos objetivos principais será transmitir aos participantes a função e a utilização da música no nosso trabalho de criação.

Buscaremos igualmente o ritmo e as dinâmicas  do movimento enquanto elementos constitutivos da dramaturgia.

A exploração do tratamento da música no trabalho de criação nos fornecerá os elementos de base para a elaboração de pequenas formas « bordadas ».

Transmitindo nossa técnica e nosso ‘savoir-faire’, nossa pedagogia é cada vez mais orientada para uma análise da criação cênica como verdadeiros laboratórios que colocam num primeiro plano a individualidade e a criatividade de cada um dos participantes.

Nosso trabalho pedagógico é intimamente ligado à nossa pesquisa e nossa linguagem.

Público alvo= bailarinos, atores, mímicos, artistas de circo, músicos. O objetivo é o encontro de várias disciplinas artísticas.

valor: R$ 450,00

Certificado e sabor de valeu muitíssimo a pena!

Curso final de semana – Denise Namura

No Tugudum

Titulo da oficina = « O cruzamento da música com o movimento dançado »

Professores: Denise Namura e Michael Bugdahn

 Dias 20 e 21 de agosto 2016

 Duração 16 horas

 Horário das 9:00 horas às 13:00 e das 15:00 ás 19:00 (sábado e domingo)

 Valor: 450,00

 Fornecemos certificado

 Vagas limitadas!

Informações: 19 2121 – 4655 e 19 9819 – 22885

facebook: https://www.facebook.com/tugudum/

Nesta oficina continuaremos nossa pesquisa sobre a teatralização do movimento dançado e sobre o  sentido do movimento. O ponto de partida será a música e outros suportes sonoros que nos levarão à construção de partituras visuais e seqüências coreográficas.

Um dos nossos objetivos principais será transmitir aos participantes a função e a utilização da música no nosso trabalho de criação.

Buscaremos igualmente o ritmo e as dinâmicas  do movimento enquanto elementos constitutivos da dramaturgia.

A exploração do tratamento da música no trabalho de criação nos fornecerá os elementos de base para a elaboração de pequenas formas « bordadas ».

Transmitindo nossa técnica e nosso ‘savoir-faire’, nossa pedagogia é cada vez mais orientada para uma análise da criação cênica como verdadeiros laboratórios que colocam num primeiro plano a individualidade e a criatividade de cada um dos participantes.

Nosso trabalho pedagógico é intimamente ligado à nossa pesquisa e nossa linguagem.

Público alvo =  bailarinos, atores, mímicos, artistas de circo, músicos.

O objetivo é o encontro de várias disciplinas artísticas.